Pesquisar no Blogue

terça-feira, 23 de agosto de 2011

"Flutos", vinho e flores


A culinária não pára de surpreender...agora são os "flutos", directamente da arca frígorifica e as flores.
Não há vinho que não mereça o seu "fluto" (excepção para a malga minhota que resiste estoicamente ) nem peixinho às rodelas  ( o mundo quer-se redondo e o empratamento também) que  não se apresente, devidamente engalanado de flores.
Mastiguem-se as rosas e deglutam-se os miosótis! 
Ou então, se a companhia o merecer, brinde-se com uma chuva de pétalas o fim do repasto!
Sempre seria original e, assim de repente, não estou a ver outra forma de nos livrarmos disto...


2 comentários:

  1. peixinhos às rodelas é que não conheço...

    ResponderEliminar
  2. Blonde:

    Corta-se o peixe com recurso à rodela.
    "Encima-se" a crocante,
    Enfeita-se de lavagante,
    Rega-se com uma mistela,
    aos pontinhos...
    A flôr para abrilhantar.
    E toca a mastigar! ;)

    ResponderEliminar