Pesquisar no Blogue

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Colar de Pérolas



Todas os dias esperava por ela,
Com uma pérola em cada mão.
No meio da avenida movimentada,
Via-a sair do escritório e, a medo sussurrava:
Hoje uma é de esperança, menina...a outra de emoção.
Já se ia o vento que lhe levava os passos, no riso trocista
e as pérolas a rolarem no chão...

Na direita a ternura, na esquerda o coração.
Numa mão o desejo, na outra poesia,
Hoje mais uma promessa...
Amanhã a tentação.
Entre os dedos, sempre um beijo
embrulhado em nácar, na palma da sua mão...

Vinha o vento e passava o frio.
O calor dava lugar ao arrepio.
Uma e outra e, mais outra estação.
E as pérolas, aconchegadas, na sua mão.

Um dia desapareceu:
Encontraram-no morto de ternura
abraçado a um  fio de lágrimas...

o colar, foi-lhe entregue no dia seguinte

8 comentários:

  1. Muito bonito e triste também. Um colar de pérolas que se transformou em lágrimas, mas o sonho continuava...
    Parabéns!

    ResponderEliminar
  2. Foi um sonho de pérolas sim.
    Obrigada Ana

    ResponderEliminar
  3. O sonho poderá adormecer, esconder-se tímidamente, tornar-se indolente, esquivo... dormente, mas não podemos deixa-lo morrer.
    Os sonhos nascem das estrelas, do infinito, escorrem pelos raios de sol, rodopiam nos braços do vento e animam-nos os sentidos, aquecem-nos a alma.
    Em retribuição por essas pérolas que os sonhos nos oferecem, compete-nos alimenta-los, acaricia-los, aconchega-los no mais íntimo de nós.
    Belíssimo poema, George!

    ResponderEliminar
  4. Bartolomeu,

    Os sonhos de nácar. Construídos devagar e com consistência.
    Este, num final de colar, com lágrimas. Escorreram certamente do pescoço de quem as usou...porque não as quis enquanto eram só pérolas.
    Obrigada.

    ResponderEliminar
  5. Um texto belíssimo, como belas são as pérolas. As verdadeiras.

    ResponderEliminar
  6. Luís Bento,

    Importante é mesmo isso: sabê-las reconhecer. obrigada

    ResponderEliminar
  7. E as mais valiosas são rosa-nacaradas. Aos olhos e na palma da mão. Muito bonito!
    Paulo

    ResponderEliminar
  8. São muito valiosas as rosa-nacaradas. Mas muito bonitas também.
    Obrigada

    ResponderEliminar