sábado, 1 de junho de 2019

Horizonte


Pedem-me que alcance o horizonte. Por cima de todos os cinco mares.
Como se o horizonte não estivesse no fundo, rotativo, do infinito.
Como se os cinco mare não se dessem as mãos, em toda a sua lonjura. E,  a água, não soubesse voar...


Quadro: Horizonte Onírico de Guillermo Serrano de Entrambasaguas

Sem comentários:

Publicar um comentário